Camper

Pop-Up The Walking Society

The Walking Society
Pop Up

A Pop-Up The Walking Society é um projeto que reforça a importância das tradições locais e realça o nosso compromisso em fornecer objetos e ideias exclusivos de todo o Mediterrâneo.

Explora a nossa mais recente coleção de objetos e decoração criada pelos artistas e artesãos associados das nossas aventuras com a The Walking Society.

Elena Votsi

Reconhecida pelos designs de medalhas para os Jogos Olímpicos de 2004 e 2016, a renomada designer de joias Elena Votsi cria peças únicas que são vendidas a nível internacional e na sua loja na zona costeira de Ydra.

François Panzani

François Panzani, nascido na Córsega, é um produtor de facas artesanal que trabalha com aço, madeira e materiais naturais para criar facas de especialidade para várias utilizações. As lâminas e o chifre para os cabos são modelados, montados e acabados na sua oficina local.

Maritina Bouyoukli e Vagelis Daglis

Maritina Bouyoukli e Vagelis Daglis começaram a criar e a fabricar as suas próprias velas feitas à mão como hobby. Hoje, as MV Candles deste casal de Ydra podem ser encontradas nas casas e empresas de toda a ilha.

Farmácia Rafalias

Nascido e criado em Ydra, Vangelis Rafalias é um farmacêutico de 2.ª geração que cria a sua própria linha de sabonetes, óleos e cremes com ingredientes locais.

Daphne Christoforou

Daphne Christoforou é uma artista visual do Chipre especializada em ilustração. O seu trabalho baseia-se em narrativas e gira em torno de ensinamentos budistas que exploram os impulsos e as emoções indesejáveis, bem como observações da interação e do comportamento humanos e ansiedades pessoais.

Joanna Louca

Joanna Louca é uma artesã da tecelagem que usa teares manuais domésticos e uma técnica artesanal complexa para entrelaçar diversos materiais. Cada uma das suas peças tecidas é meticulosamente construída com uma mistura de técnicas experimentais e métodos convencionais que respeitam a cultura local, mesclando as fronteiras da tecelagem tradicional para criar coleções distintas e únicas.

Elina Ioannou

Elina Ioannou é uma artista cipriota que cria esculturas inspiradas em objetos do quotidiano e detalhes arquitetónicos. Aplica imagens de revistas, livros de arte, arquivos de museus e fotografias a uma variedade de superfícies para criar peças autónomas que brincam com a paisagem arquitetónica.

Alessandro Viola

Alessandro Viola é conhecido na Sicília por produzir alguns dos mais famosos vinhos naturais da região. Tendo crescido a ajudar o pai a fazer vinho, Alessandro começou a fabricar vinho na garagem, antes de aperfeiçoar a arte para produzir vinhos através de métodos naturais e sem sulfitos.

Fabrizzia Lanza

Fabrizia Lanza trabalha na escola de culinária que a sua mãe fundou nas colinas entre Palermo e Caltanissetta. A escola divide a atividade entre a hotelaria e a formação, sempre com o tema da agricultura e da produção como foco, incluindo a terra, os moinhos e a transformação do grão.

Son Fortesa

A propriedade de Son Fortesa é de caráter rural, cuja atividade data do século XVI. Fica em Alaró, cidade da região interior de Maiorca, próxima da sede da Camper. A atividade agrícola renasceu nos anos após ter sido adquirida. A produção em pequena escala é mantida de acordo com práticas sustentáveis e regulamentadas, graças ao trabalho diário de uma equipa dedicada.

Marta Armengol

Marta Armengol é uma arquiteta e artista que cria mobiliário e belíssimos objetos em vidro soprado, inspirando-se na poesia, filosofia e arquitetura. Brinca com a experimentação, abraçando erros e possibilidades materiais, em vez de simplesmente procurar soluções definitivas.

Joan Pere Català Roig

Joan Pere Català Roig é um ceramista que utiliza técnicas extremamente rigorosas e frequentemente laboriosas. As suas peças brincam com formas e escalas, variando desde pequenas taças de chá a vasos de grandes dimensões e móveis em cerâmica.

Disponíveis apenas na Europa (exceto Suíça e Reino Unido).

Aberto até 31 de dezembro

A The Walking Society é uma comunidade virtual aberta a todas as pessoas com origens sociais, culturais, económicas e geográficas variadas. Individual e coletivamente, a TWS promove a imaginação e a energia, oferecendo ideias e soluções valiosas para melhorar o mundo. De forma simples e honesta.

Sabe mais sobre a The Walking SocietyCompra a revista

Walk, Don’t Run